Caminho

Já passaram vários dias desde a última entrada "Cansaço". Desde o dia em que escrevi esse texto aconteceram algumas mudanças estruturais no meu dia a dia. Nas semanas anteriores a esse artigo, dormia em média duas horas por noite (quando não, menos). A acompanhar vinham imensos pesadelos vívidos que me enchiam o corpo de dores e mal estar quando me levantava. O cansaço a acumular-se e a dificuldade em manter-me concentrada aumentava a cada instante. Felizmente entre artigos, conversas, reflexões e acompanhamento terapêutico, consegui pedir ajuda a tempo de não cair mais e mais depressa.

Em GERAL, SAÚDE, 12 de junho de 2022

Cansaço

Em GERAL, SAÚDE, 12 de maio de 2022

Dias

Em GERAL, 1 de maio de 2022

A morte

Em GERAL, TRANS, 25 de abril de 2022

Dia Internacional das Pessoas Não Binárias

Hoje, 14 de julho, voltamos a celebrar, voltamos a celebrar a nossa existência e a nossa validade. Neste 14 de julho voltamos a reafi...

Ler mais...

Todos os artigos

Caminho

Já passaram vários dias desde a última entrada "Cansaço". Desde o dia em que escrevi esse texto aconteceram algumas mudanças estruturais no meu dia a dia. Nas semanas anteriores a ess...

Em GERAL, SAÚDE, 12 de junho de 2022

Cansaço

Toco em cada tecla com a energia que me resta, tocar no próprio teclado traz-me dor, dor física e psicológica. Física porque sinto dor, dor e dor. Psicologicamente porque me sinto em ...

Em GERAL, SAÚDE, 12 de maio de 2022

Dias

A minha imagem sem cor, espelhada num vidro fosco e escuro. A minha imagem sem cor delimitada pela luz que atravessa a sala - nenhuma. Hoje acordo com este espelho na mão, falta de ...

Em GERAL, 1 de maio de 2022

A morte

Passa da meia noite, é quase uma hora da manhã. A medicação para dormir tomada, mas a vontade de escrever é mais forte. Não sei se será um texto que irei publicar ou não, mas a vontad...

Em GERAL, TRANS, 25 de abril de 2022

Empoderamento

Nasço, cresço e entendo-me. Nasço num mundo destinado, cresço num mundo corrompido e entendo-me num mundo irreal. A vivência e as experiências que me atravessam o corpo corroem-me a a...

Em GERAL, 9 de abril de 2022

Diários

Acordo, tomo o pequeno almoço e vou ao café. Volto e sento-me à secretária. Procuro as minhas notas e entretenho-me a ler os meus diários... vários anos de diários. Um processo que me...

Em TRANS, SAÚDE, 3 de abril de 2022

Ano 2021, em revisão...

O ano 2022 já começou, deixo para trás um ano de dificuldades, descidas e subidas, em consequência da saturação de um ano de pandemia. Se 2020 foi difícil, 2021 ganhou a passos largos.

Em GERAL, REVISÃO, 1 de janeiro de 2022

Atiradas para as margens... do esquecimento

Passaram vinte minutos desde que escrevi o título, tinha as ideias fluídas de como iria começar a escrever. Porém, perdi-me nos meus pensamentos, nas minhas profundezas e perdi a linh...

Em TRANS, 24 de outubro de 2021

O estigma ainda continua... e vai continuar

Acordas pela manhã. Levantas-te, tomas o teu pequeno almoço. Finalmente estás a tirar dois dias de descanso do trabalho. É fim de semana. A semana foi dura, muita exigência energética...

Em SAÚDE, 16 de outubro de 2021

Do caos à organização – baixando a entropia

Caos, organização e entropia, poderia estar a falar de um artigo de Física Teórica, Termodinâmica ou outra disciplina que trate estes conceitos. Porém, estou a referir-me a estados su...

Em SAÚDE, 13 de setembro de 2021

Sobre a autora

Daniela Filipe Bento (Dani Bento) tem 35 anos, é natural do Cartaxo e vive em Lisboa. É formada em astronomia e astrofísica e engenheira de software. Activista pelos direitos LGBTIQ+, direito e justiça social e saúde mental. Constrói o seu mundo através das suas reflexões, procurando sempre uma visão interseccional, uma prática transfeminista e radical. É, também, aprendiz de fotografia, DJing e astronomia amadora. Gosta de desenhar, escrever e jogar Playstation num dia de chuva e vento.

Vê as suas contribuições, as suas actividades actuais e as suas leituras